Colégio Santo Tomás de Aquino

Colégio Santo Tomás de Aquino

HISTÓRICO DA FUNDAÇÃO

O Colégio Santo Tomás de Aquino foi fundado no dia 07 de março de 1963 sob a denominação de Externato Santo Tomás de Aquino, contando, com apenas 52 alunos.

Este projeto nasceu de um sonho do então pároco do Santuário de Fátima, Monsenhor Gerardo de Andrade Ponte, que ao fundar o Colégio Santo Tomás de Aquino, sonhou alto e viu as possibilidades de transformar o pequeno local em que se reunia o grupo de jovens, em uma escola com o objetivo de abrigar dentro de própria paróquia a juventude do Bairro de Fátima e poder oferecer-lhe uma boa formação acadêmica e uma sólida formação humanística cristã.

Nos anos subsequentes foi cada vez mais ampliando a quantidade de alunos: 1964: 83 alunos; 1965: 92 alunos; 1966: 159 alunos. Uma década depois já contava 822 alunos.

O Externato Santo Tomás de Aquino constituiu-se em Ginásio Santo Tomás de Aquino no ano de 1969, conforme Parecer de autorização no 177/69 do Conselho Estadual de Educação, tendo sido reconhecido no ano de 1971 – Parecer no 589/71 do mesmo Colegiado.

O Colégio Santo Tomás de Aquino pertence à Paróquia de Fátima e é subordinado ao Conselho Paroquial Nossa Senhora de Fátima, seu órgão mantenedor, que goza de personalidade jurídica com Registro no Cartório Morais Correia, Livro A-3, folha 30 v.

Em 1991 o Ginásio Santo Tomás de Aquino é autorizado a funcionar com o Curso do 2º Grau, denominação dada ao Ensino Médio pelo parecer do Conselho Estadual de Educação, Parecer CEC no 1218/90 e recebe o nome de Colégio Santo Tomás de Aquino.

As atuais instalações do Ensino Médio foram inauguradas no dia 07 de março de 1996.